Vereadora acompanha autoridades em visita ao Pinheirinho dos Palmares

Vereadora acompanha autoridades em visita ao Pinheirinho dos Palmares

Compartilhe nas redes

A vereadora Amélia acompanhou a visita às obras das casas do conjunto Pinheirinho dos Palmares. A construção de 1.461 casas no bairro estão quase completas. A visita ao empreendimento foi acompanhada por autoridades, representantes da sociedade civil e futuros moradores do local, que elogiaram a qualidade e o processo de execução das moradias.

DSCN4916Os trabalhos para a execução do empreendimento chegaram a 50% do previsto em projeto, com diversas casas em fase de acabamento, outras prontas para receber a estrutura de telhado ou a concretagem para a formação das paredes. Por dia, segundo a empresa responsável pelas obras, são concretadas oito casas.

Cada imóvel possui 46,5 metros quadrados, sendo dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. As unidades estão sendo equipadas com aquecedor solar e caixa d’água. “O processo para a construção dessas casas estava praticamente parado até 2013, tivemos que elaborar leis e encontrar uma área para essas famílias”, disse o prefeito.

O defensor público do Estado, Jairo Salvador, ficou satisfeito com a solução do problema causado para as famílias vítimas da reintegração de posse do terreno que ocupavam na zona sul da cidade. “Estou impressionado com a qualidade da construção e a velocidade da obra. Isso mostra que é possível resolver a questão sem violência”, disse o defensor, lembrando a ação de desocupação da área do Pinheirinho, realizada em 2012.

Além da construção das casas, a Prefeitura vai garantir infraestrutura adequada para receber as famílias na região do empreendimento. “É uma necessidade a construção de creche, posto de saúde, área de lazer, linhas de ônibus e demais equipamentos públicos para atender com dignidade os futuros moradores”, afirmou o secretário da Habitação.

Conquista

Todas as famílias contempladas com uma moradia no Pinheirinho dos Palmares estão inscritas no programa habitacional da Prefeitura. Muitas esperam há mais de dez anos pela oportunidade de adquirir um imóvel dentro das condições financeiras que possuem. “Passei por todo tipo de dificuldade dentro do Pinheirinho, mas, depois de muita luta, aos 65 anos, consegui conquistar essa casa”, disse Milton da Silva, um dos futuros moradores do conjunto.

Somente em 2013, São José aderiu ao programa do Governo federal, Minha Casa, Minha Vida, no qual a Caixa Econômica Federal atua como agente financiador da obra do Pinheirinho, beneficiando famílias que vivem com renda até R$ 1.600. “Temos cerca de 4 mil moradias em construção na cidade e outras 4 mil aguardando o lançamento da terceira fase do Minha Casa, Minha Vida para assinar contrato”, afirmou o prefeito.

Para o bispo da Diocese de São José, Dom César Teixeira, que realizou pela segunda vez uma visita ao conjunto, a Prefeitura está fazendo um trabalho exemplar para resolver a questão do déficit habitacional do município. “Fico feliz de ver que em São José existe uma política habitacional voltada para atender as famílias mais pobres, que encontram dificuldades para ter um direito básico que é uma casa para morar”, disse o bispo.