TRABALHADORA DOMÉSTICA RESGATADA DE 25 ANOS DE TRABALHO ANÁLOGO À ESCRAVIDÃO É INDENIZADA

TRABALHADORA DOMÉSTICA RESGATADA DE 25 ANOS DE TRABALHO ANÁLOGO À ESCRAVIDÃO É INDENIZADA

Compartilhe nas redes

Apesar de São José ser conhecida como a cidade da tecnologia, diversos casos de pessoas mantidas em sistema semelhantes à escravidão são flagrados no município, inclusive em obra pública.

 

Nesta semana, uma mulher de 46 anos, que foi resgatada de condições de trabalho análogas à escravidão será indenizada em mais de R$ 300 mil.

 

A trabalhadora, submetida por mais de 25 anos ao trabalho análogo à escravidão, foi resgatada em junho de 2021 após denúncias anônimas e encaminhada a um abrigo municipal. O empregador foi preso em flagrante.

 

Trabalho escravo é uma grave violação de direitos humanos, denuncie!