Semana da Consciência Negra começa hoje e terá programação até dia 29
Foto: Charles de Moura

Semana da Consciência Negra começa hoje e terá programação até dia 29

Compartilhe nas redes

Os ritmos, cantos, sabores, cores, conquistas e desafios da cultura afro-brasileira vão estar em destaque a partir desta quarta-feira (4 de novembro) nas atividades da Semana da Consciência Negra, realizada pela Fundação Cultural Cassiano Ricardo, em parceria com a Secretaria da Promoção da Cidadania e a Oficina Cultural Altino Bondesan.

Foto: Charles de Moura
Foto: Charles de Moura

A programação começa na Casa de Cultura Chico Triste (Rua Milton Cruz, s/n° – Vila Tesouro) com a apresentação “Saravá Zumbi”, que terá a participação da historiadora Meire Pedroso e a oficina Block Print com Pitiu Bomfin sobre estampa em tecido na Oficina Cultural Altino Bondesan (Avenida Olivo Gomes, 100 – Santana).

Dentre as atividades programadas nas Casas de Cultura, no Centro Cultural Clemente Gomes e em outros espaços da cidade, estarão demonstrações e vivências de capoeira, maracatu, jongo e moçambique. Também haverá espaço para a reflexão em rodas de conversa sobre o papel das mulheres, a cultura, a religiosidade e o posicionamento da comunidade negra.

As atividades seguem até 29 de novembro, encerrando com sessões de cinema que promovem a discussão das culturas tradicionais e de matriz africana, a realização do concurso Miss Dandara 2015, ambos realizados pelo Grupo Afronorte e uma exposição inspirada na estamparia africana.

Durante todo o ano, a FCCR realiza variadas atividades, oficinas e apresentações que se dedicam à valorização e à manutenção da tradição e da cultura negra.

O Dia da Consciência Negra é comemorado em 20 de novembro, data da morte de Zumbi dos Palmares, maior líder da luta contra a escravidão e a livre manifestação da cultura africana. Esse período é dedicado à cultura afrobrasileira e à reflexão sobre a história negra no Brasil.

 

Programação da Semana da Consciência Negra

 

Saravá, Zumbi
Dia 4 de novembro
15h
Casa de Cultura Chico Triste
Apresentação “Saravá, Zumbi” com a historiadora Meire Pedroso.
Block Print: Técnicas para estampa em tecido
Dias 4, 11, 18 e 25 de novembro
18h30 às 21h30
Oficina Cultural Altino Bondesan
Inscrições até 3 de novembro
A oficina orientada pela artista plástica Pitiu Bomfin pretende usar como referência a estamparia manual africana para uma produção que mistura técnicas na criação de fundos transparentes nos tecidos para receber as estampas desenvolvidas com os blocks prints.
Vivência de Capoeira
Dia 6 de novembro
19h
Casa de Cultura Eugênia da Silva (Rua dos Carteiros, 110 – Novo Horizonte)
Vivência de capoeira, maculelê e roda com o contra-mestre Ivan (Grupo Cordão de Ouro).
ARTEMÓVEL – Festa da Consciência Negra
Dia 7 de novembro
19h
Centro Cultural Clemente Gomes (Avenida Olivo Gomes, 100 – Santana)Dia 8 de novembro
10h às 21h
Ponto de Cultura OCA (Rua Graúna, 598 – Vila Tatetuba)
O carro do projeto ARTEMÓVEL vai valorizar a cultura negra com apresentações do grupo de Jongo Mistura da Raça e da Banda Odoya (Taubaté). Haverá participações do MC José, Dany Krioula, Capoeira Raízes, Grupo Escravo Senzala, entre outras.
Moçambique da Vila Tesouro
Dia 13 de novemro
19h
Escola Juvenal Machado (Rua Vicente Celestino, 150 – Vila Tesouro)
Vivência com o Grupo de Moçambique da Vila Tesouro. O Moçambique é uma dança folclórica de origem negra, praticada em parte do Brasil durante as festas religiosas do divino e folia de reis, entre outras. Ela é constituída por um cortejo com danças e cantos, com instrumentos de percussão, de corda e guizos presos aos tornozelos.
Consciência Negra: aspirações e processos
Dia 19 de novembro
19h às 22h
Oficina Altino Bondesan
Público: interessados em cultura afro-brasileira
Inscrições seguem até dia 18 de novembro
Na véspera do dia nacional da Consciência Negra, Mestre Lumumba vai compartilhar com o público questões sobre a riqueza da cultura afro-brasileira na música e na religião, entre outros assuntos pertinentes ao posicionamento da comunidade negra na contemporaneidade, e a reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira.

 

Dia 20 de novembro
Roda de Capoeira
14h30
Casa do Brinquedo (Rua Roberto Cruz, 40 – Bairro Santo Onofre)
Roda de Capoeira comandada por mestres Vando e Saruê.
SARAFRO – Sarau Afro
18h
Casa de Cultura Flávio Craveiro (Avenida Lênin, 200 – Dom Pedro) I
A Casa de Cultura Flávio Craveiro, em parceria com a Secretaria da Promoção da Cidadania, vai promover uma reflexão sobre o papel das mulheres, entre elas as negras, na contemporaneidade, na construção das Políticas Públicas e Culturais do Brasil, por meio da educação, da música da dança e de outras manifestações. Também haverá participação da comunidade nas apresentações culturais, musicais e poéticas.
Dança Afro-Brasileira e Roda de Conversa
10h
Casa de Cultura Chico Triste
Quiara Batista e aprendizes da Oficina de Danças Folclóricas Brasileiras apresentam Dança Afro e Roda de Conversa sobre o tema. Grupos escolares deverão realizar agendamento prévio pelo telefone 3929-7559.

 

Ritmo e Rango
Dia 21 de novembro
14h
Casa de Cultura Júlio Neme (Praça Cônego Manzi, s/nº – São Francisco Xavier)
Oficina de Maracatu com Ari Colares, seguido de degustação do “Arrumadinho”, prato típico de Pernambuco feito com macaxeira, charque, farofa, vinagrete e feijão verde, temperados com manteiga de garrafa.
Cine Rua
“Chuva De Anjos” e “Brasil e Haiti – Dois Povos Unidos Pelo Sorriso”
Dia 24 de novembro
19h
Residencial Cambuí (Rua das Figueiras, s/n° – Residencial Cambuí)Dia 25 de novembro
19h
Residencial Ribeira (Rua José Luiz Porto, s/n° – Residencial Ribeira)
O projeto Cine Rua foi desenvolvido pela Associação Afronorte a fim de promover discussões relevantes às culturas tradicionais e de matriz africana. Na presente edição as discussões serão ativadas a partir da exibição dos documentários “Brasil e Haiti – Dois Povos Unidos Pelo Sorriso” “Chuva de Anjos” (sobre as matriarcas figureiras de São José dos Campos).
Noite dos Tambores: Os Toques do Maracatu Baque do Vale
Dia 27 de novembro
18h
Sede da FCCR (Avenida Olivo Gomes, 100 – Santana)
Inscrições: até 26 de novembro
O projeto Noite dos Tambores traz vivências em que serão compartilhadas técnicas, experiências e saberes de artistas da música percussiva. Nesta edição, o Bloco Maracatu Baque do Vale, de Taubaté, vai compartilhar suas experiências rítmicas com o público.
IconoAfrikas
De 27 de novembro a 23 de dezembro
Oficina Cultural Altino Bondesan
Visitação de terça a sexta-feira das 13h às 22h e sábados das 9h às 18h
A exposição coordenada por Pitiu Bomfin tem como referência artística a estamparia manual africana e vai mostrar os processos artísticos desenvolvidos pelos participantes da oficina homônima, que utilizou a técnica chamada Block Print caracterizada pela repetição e alternância das formas e cores nas estampas em tecido.
Encontro de Capoeira
Dia 27 de novembro
18h30
Casa de Cultura Flávio Craveiro
A oficina de capoeira da Casa de Cultura Flávio Craveiro, ministrada pela orientadora Carla Yahn, propõe dentro do seu encerramento o encontro com outros grupos de capoeira convidados.
Workshop: Samba Rock com Consciência
Dia 28 de novembro
14h30
Oficina Altino Bondesan
Inscrições até dia 27 de novembro
Além de oferecer aos participantes uma experiência prática de dança, o curso vai abordar questões como: origens, manifestações populares, indústria cultural e contemporaneidade, consciência e resistência cultural. A vivência será orientada por Nei Corrêa, presidente da ONG Afronorte. Informações em 3923-4860.
Miss Dandara 2015: Uma Cidade em Preto e Branco!
Dia 29 de novembro
15h
Rua Sebastião Felício, 105 – Jardim Bela Vista
Criado em 2005 pelo Grupo Afronorte, o evento “Miss Dandara” tem como objetivo estimular na mulher negra a valorização e autoestima e o empoderamento e a inserção no mercado de trabalho. A atividade pretende fazer o debate sobre as questões pertinentes ao racismo, preconceito e discriminação.