São José faz projeto para revitalização da Avenida Nove de Julho

São José faz projeto para revitalização da Avenida Nove de Julho

Compartilhe nas redes

Uma das mais tradicionais avenidas de São José dos Campos, a Avenida Nove de Julho será completamente revitalizada nos próximos meses. A proposta de mudança pela prefeitura inclui readequação das faixas de rolamento, retirada do canteiro central e implantação de ciclovia no trecho, na região central da cidade. As obras devem começar ainda neste semestre.

O projeto, orçado em R$ 1 milhão, foi concluído no final do ano passado e apresentado para a Associação Comercial e Industrial (ACI) da cidade neste mês. Na próximas semanas, a Secretaria de Transportes deve começar a se reunir com moradores da região e outros representantes do comércio para discutir as mudanças.

Pela proposta, o canteiro central será retirado e substituído por ilhas pontuais para travessias. Ao lado esquerdo da pista, pelo sentido original, será implantada uma ciclovia, fazendo conexão com a Avenida Borba Gato, também na região central.

De acordo com o secretário de Transportes Luiz Marcelo Silva Santos, a decisão de suprimir uma das faixas de rolamento da avenida acontece para dar mais espaço para a ciclovia e para os próprios carros, uma vez que as três novas faixas serão mais largas que as atuais.

“É uma proposta de requalificar a via, que hoje tem faixas apertadas. A readequação é necessária porque a via tem características de quando ainda operava em mão dupla”, afirma Santos. A ideia também é que a faixa do lado direito funcione com preferência para ônibus que cortam o trecho, nos moldes dos corredores que cortam o centro da cidade.
Por dia, cerca de 22 mil veículos passam pelo local.

Canteiro e ciclovia
O canteiro central na Avenida Nove de Julho será totalmente retirado, mas a prefeitura implantará duas ilhas de travessia pelo trecho para evitar a retirada de duas árvores. Além disso, serão implantados 2,2 quilômetros de extensão de ciclovia pela avenida. Ao lado da pista, será mantido o atual estacionamento, mas algumas vagas devem ser suprimidas devido a desvios específicos. Após a finalização da obra, a Nove de Julho também ganhará estacionamento rotativo com cobrança de zona azul.

Segundo a secretaria, as obras devem começar ainda no primeiro semestre e durar de 30 a 40 dias. Mesmo com o projeto pronto, a pasta não descarta alterações pontuais no projeto final após os encontros populares. “As pessoas estão entendendo que o projeto tem vários ganhos para a região, mas podemos fazer aperfeiçoamentos caso seja pertinente”, disse o secretário.

 

Fonte: G1