Procon e Cejusc realizam mutirão de audiências

Procon e Cejusc realizam mutirão de audiências

Compartilhe nas redes

O mutirão de audiências de conciliação realizado pelo Procon Municipal de São José dos Campos, em parceria com o Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc), realizado nesta quinta (17) e sexta-feira (18), encerrou com 81 acordos. Técnicos dos dois órgãos mediaram as sessões, na presença de fornecedores e consumidores, e os acordos confirmados pelo juiz coordenador do Cejusc, José Eduardo Cordeiro Rocha, tiveram eficácia de título executivo judicial.

procon1Foram levados para conciliação 120 processos de relação de consumo, abertos no Procon Municipal, e em 27 casos não houve acordo, além da ausência de dez consumidores e dois fornecedores. A parceria entre os órgãos é inédita, com o objetivo de divulgar as vantagens da solução de conflitos por meio da conciliação, onde o consumidor resolve mais rapidamente seus problemas de consumo.

A empregada doméstica Maria Luzia Otoni, moradora do Chácara Santa Helena (leste) participou do mutirão. Ela relata que se assustou quando sua conta de água, com vencimento em maio deste ano, chegou em agosto no valor de R$ 2.003,29, com aviso de corte. Procurou o Procon Municipal e pouco antes da audiência recebeu notificação de que sua conta reformada tinha o valor de R$ 1.758,45.

procon3“É a primeira vez que na vida que recorro ao Procon e fiquei muito satisfeita, pois no momento da audiência o representante da companhia reconheceu o erro de medição e apresentou a conta de maio revisada no valor correto de R$ 17,91”, afirmou a empregada. O documento informava ainda que na próxima semana a empresa fará a substituição do hidrômetro instalado em sua residência e que não há mais risco de corte.

O aposentado Pedro Rodrigues da Silva, morador do Jardim São Vicente (leste) também teve problemas em sua conta de água. A empresa fez uma substituição do cavalete, que apresentou vazamento causado pela má instalação do aparelho, e mesmo após pedidos de inspeção, as contas de julho e agosto de 2015 vieram com valores superiores à média mensal, que é de R$ 64. “Se eu não viesse ao Procon Municipal, meu problema não teria sido resolvido. Fiz um acordo e saio daqui com as contas revisadas”, disse. 

Mês do Consumidor

A programação do Mês do Consumidor continua na próxima semana, com palestras, para o público em geral, sobre educação para o consumo. A programação completa está disponível no SITE da Prefeitura.

 

Fonte: Prefeitura de São José dos Campos