Prefeitura lança campanha de enfrentamento à violência contra a mulher

Prefeitura lança campanha de enfrentamento à violência contra a mulher

Compartilhe nas redes

convite 180

A Prefeitura de São José dos Campos lança nesta sexta-feira (18), às 18h, a campanha de enfrentamento à violência contra a mulher “Ligue 180”.

A cerimônia será no Espaço Mário Covas (Praça Afonso Pena 29 – Centro) com a presença do prefeito Carlinhos Almeida, que fará a adesivagem simbólica de um ônibus, e da coordenadora da Central de Atendimento à Mulher da Presidência da República, Clarissa Carvalho.

Para a presidenta da Câmara de São José dos Campos, vereadora Amélia Naomi, essa é mais um avanço do governo municipal na construção de uma política efetiva de combate a violência doméstica contra as mulheres.

“Com a criação da Coordenadoria Especial de Políticas para Mulheres nossa cidade tem avançado muito, principalmente nas ações de enfrentamento contra a violência às mulheres. Há muito ainda por fazer, mas sem dúvida este é um importante mecanismo que precisamos conhecer e divulgar”, disse a vereadora Amélia.

CONHEÇA O 180 – O Ligue 180 é uma linha de telefone direta utilizada para receber denúncias e relatos de maus tratos e violência contra a mulher. No lançamento da campanha, também haverá palestras, apresentações sobre o tema e sobre o Ligue 180. As ações continuarão no sábado (19), das 10h às 13h, na Praça Afonso Pena, com panfletam e adesivagem de carros.

Além de denúncias e relatos de violência contra a mulher, o Ligue 180 receberá reclamações sobre os serviços da rede de atendimento e irá orientar as mulheres sobre seus direitos e a legislação vigente, encaminhando-as para os serviços específicos, quando necessário.

A campanha é uma parceria entre a Prefeitura de São José dos Campos e a Central de Atendimento à Mulher – Secretaria de Políticas para as Mulheres do Governo Federal. A realização é da Secretaria de Promoção da Cidadania.

Em São José dos Campos, os dados da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) mostram que, até abril de 2013, foram registrados 1.212 boletins de ocorrência relatando violências contra mulheres. Foram instaurados 591 Inquéritos Policiais.

Os números do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN) indicam que foram registrados na cidade 236 casos de violência física; 21 de violência psicológica; 1 de violência sob tortura; 14 de violência sexual; 113 de violência por negligência e 22 casos com outras formas de violência contra a mulher.

De acordo com a diretora da Coordenadoria Especial de Políticas para Mulheres, da Secretaria de Promoção da Cidadania, Vanda Siqueira, os números podem ser superiores. “Ainda existe uma grande parcela de mulheres que sofre violência e não denuncia, e em muitos casos a notificação compulsória não é feita corretamente”, afirma.

A Coordenadoria Especial de Políticas Públicas para Mulheres, da Secretaria de Promoção da Cidadania, realiza diversas ações para combater a violência contra a mulher. São feitas capacitações, encontros, campanhas e outras atividades, consolidando na cidade uma política pública voltada para o apoio à mulher e ao fortalecimento da sua participação na sociedade.

Números Nacionais

Nos seis primeiros meses deste ano, o 180 – Central de Atendimento à Mulher, do governo federal, recebeu 306.201 registros, ampliando para 3.364.633 o total de atendimentos computados desde janeiro de 2006.

As denúncias de tráfico de mulheres tiveram aumento de 1.547% em relação ao primeiro semestre de 2012. Foram efetuados 31 atendimentos internacionais. Dentre os relatos de violência: 37.582 ocorrências em que há detalhamento sobre as agressões, a violência física é a mais frequente, atingindo 20.760. Os casos de violência psicológica foram 11.073; violência moral, 3.840; violência sexual, 646 e violência patrimonial, 696. Foram 304 casos de cárceres privados e 263 de tráfico de pessoas.

Programação – Lançamento da Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180

Sexta-feira (18)
Espaço Mário Covas
18h – Lançamento da campanha e adesivagem simbólica de ônibus pelo Prefeito Carlinhos Almeida e pela Coordenadora da Central de Atendimento à Mulher Clarissa Carvalho

18h30 – Diálogos da Cidadania – O que é o 180?
Clarissa Carvalho – Coordenadora da Central de Atendimento à Mulher – 180 / Secretaria de Políticas para Mulheres do Governo Federal

19h40 – Apresentação da Campanha Ligue 180

20h10 – As instituições e o comprometimento com a Central de Atendimento nos espaços de atendimento às mulheres

20h30 – Encerramento