Prefeitura lança campanha de combate à Dengue e Chikungunya

Prefeitura lança campanha de combate à Dengue e Chikungunya

Compartilhe nas redes

Já está nas ruas, em forma de folders e cartazes e, em breve, com anúncios nos ônibus urbanos, a campanha da Prefeitura de São José dos Campos contra a Dengue e a Chikungunya. Pela primeira vez, sserão focalizadas as duas doenças, já que são transmitidas pelo mesmo mosquito, o Aedes aegypti.

Com o slogan “Dengue e Chikungunya – O Perigo Aumentou. E a Responsabilidade de Todos Também”, a campanha lançada pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, tem o objetivo de conscientizar a população para os riscos dessas doenças.

“Apesar de ainda não termos casos de Chikungunya na cidade, achamos importante alertar a população para as duas doenças. Essa é a linha adotada t pelo Ministério da Saúde, pois o mosquito da dengue está mais perigoso. Por isso, o combate ao Aedes é ainda mais importante. E, embora a população já conheça as formas de prevenção, precisamos sempre reforçá-las”, disse o secretário da Saúde.

Os moradores visitados pelos Agentes de Controles de Endemias (ACEs) recebem o folder da campanha, que traz a definição das  doenças, os sintomas de cada uma e um quadro comparativo que mostra que, até mesmo nos sintomas elas são muito parecidas. Com uma única e grande diferença: a chikungunya causa também inchaço nas articulações das mãos e pés (dedos tornozelos e pulsos) que resultam em sequelas, que podem durar até 3 anos.

O material de divulgação ainda traz, no verso, uma lista de ações e itens para orientar os moradores sobre tudo que deve ser observado em casa, para manter longe o Aedes aegypti.

“Estudos indicam que uma pessoa pode ter dengue e chikungunya ao mesmo tempo. O que nos mostra que é a hora de redobrarmos todos os cuidados na guerra contra o mosquito”, disse a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Tereza Cardozo.

Em 2014, São José dos Campos registrou 816 casos de Dengue (606 autóctones e 210 importados). Em 2015,  não há registro de casos positivos de Dengue. Nenhum caso de Chikungunya foi registrado na cidade, até agora.

Para entender as doenças

Chikungunya – é uma doença infecciosa febril, que pode ser transmitida pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus.

Toda a população das Américas é considerada vulnerável a ela por dois motivos: como nunca circulou antes em nossa região, ninguém tem imunidade ao vírus, e ambos os mosquitos capazes de transmitir a doença estão presentes no Brasil.

O vírus pode afetar pessoas de qualquer idade ou sexo, mas os sinais e sintomas tendem a ser mais intensos em crianças e idosos. Além disso, pessoas com doenças crônicas têm mais chances de desenvolver formas graves da doença. Uma mesma pessoa pode ter Dengue e Chikungunya ao mesmo tempo.

 

Compare os sintomas

DENGUE CHIKUNGUNYA
Febre alta Febre acima de 39 graus, repentina
Dor de cabeça, dor atrás dos olhos, dores nos músculos, no corpo e nas juntas Dor de cabeça, dores intensas e inchaço nas articulações de mãos e pés (dedos tornozelos e pulsos) que resultam em sequelas que podem durar até 3 anos. 
Manchas vermelhas pelo corpo Manchas vermelhas pelo corpo

 

Fonte: Prefeitura Municipal