HM - Amélia3Amélia também briga por saúde pública de qualidade e pelos direitos das mulheres, lutando pela abertura de mais creches e pelo funcionamento 24 horas da Delegacia da Mulher.

Durante a gestão do prefeito Carlinhos, o movimento de mulheres pôde assistir a assinatura de importantes acordos e termos de cooperação que visam o fim da violência doméstica e familiar contra as mulheres, fruto de uma luta antiga da vereadora Amélia. Desde o início de 2014, essa luta ganhou uma importante ferramenta com a instalação da Vara Especial da Violência Doméstica contra a Mulher, instrumento jurídico capaz de inibir e punir com mais agilidade os agressores.

Na Câmara Municipal, a vereadora apresentou projetos contra a discriminação e assédio sexual às mulheres e apoiou a criação do Hospital da Mulher, que já está em funcionamento. O Hospital realiza aproximadamente 3 mil atendimentos por mês, oferece pré-natal a gestantes de alto risco, atendimento especializado às vítimas de violência e diagnósticos de câncer de mama e de colo de útero.

A vereadora também luta pela implantação de uma política de saúde preventiva para as mulheres, estando sempre engajada em campanhas como Outubro Rosa e ajudando também na conscientização e prevenção de doenças que afetam as mulheres.